pexels.com

Ao projetar um espaço que irá receber os colaboradores da sua empresa, deve partir do princípio de que a máxima “os locais de trabalho devem ser dignos” é apenas um ponto de partida para o trabalho que tem pela frente. Vivemos numa era em que se procura maior produtividade e criatividade. Deverá assim ser inquestionável apostar profundamente na criação de um espaço de trabalho moderno.

 

A primeira preocupação deverá ser em apostar num espaço que receba luz natural. Não só por questões de sustentabilidade, mas pelo fato de os seus colaboradores se sentirem mais estimulados, principalmente se juntar ao facto de oferecer uma vista ampla e desimpedida.  A iluminação natural garantirá maior energia no espaço.

 

O ar também deve ser um fator prioritário. Os espaços devem estar devidamente arejados e dotados de sistemas capazes de uniformizar a temperatura  por todo o edifício. O bem estar é prioritário, todos os funcionários devem sentir-se confortáveis.

 

Cada colaborador deve ter o seu espaço de trabalho, que deverá gerir da forma que pretender, desde que respeite o regulamento interno da empresa. A zona disponibilizada ao colaborador deve ser ampla e fornecer todos os equipamentos de que necessite. 

 

As diferentes divisões devem estar devidamente sinalizadas. No primeiro dia de trabalho, o colaborador não deve sentir dificuldades de adaptação, principalmente no que diz respeito a executar tarefas essenciais. A disponibilização de água, café, entre outros produtos alimentares, devem estar estrategicamente posicionados e disponíveis a todos os funcionários.

 

Os espaços devem estar devidamente limpos, organizados e em bom estado de conservação. Os stocks de consumíveis, por seu lado, têm que estar devidamente controlados para que não se corra o risco de faltar algum produto essencial.

 

A empresa deve apresentar elevada preocupação com o espaço. É fundamental que sejam garantidas as melhores condições. As empresas que se debruçam sobre si mesmas assumem um caráter de destaque no mercado, bem como o reconhecimento por parte dos seus colaboradores.

 

foto

Sobre o autor

Francisco Cardoso é CEO da ZALOX. Com várias décadas de experiência na gestão de empresas, projetos digitais e equipas, reúne neste blog o know-how adquirido, ajudando gestores a ultrapassar desafios atuais.